Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Parte 1 (1/2) Isabelly Blanch 2885 18/06/2017 às 21:24:38
DCAT 5º ANO: AMIGA É PARA ESSAS COISAS… Lara Lynch 5715 17/07/2016 às 04:16:34
Passado? Parte 2 Steffano Di Facchini 5578 09/07/2016 às 20:29:55
Passado? Parte 1 Steffano Di Facchini 5551 09/07/2016 às 20:28:44
Chegando em Kosice Steffano Di Facchini 5621 09/07/2016 às 20:27:07

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Inglaterra Zaico Harrison [ 17285 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Zaico Harrison
  • 1° Ano Slytherin
  • 1° Ano Slytherin

  • NOME COMPLETO

    Zaico Harrison

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,55m

  • PESO

    51kg

  • OLHOS

    Verde Claro

  • CABELOS

    Loiro Claro

  • SEXO

    Masculino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    11 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    24/04/2006

  • SIGNO

    Touro

  • NOME DO PAI

    Henry Miller Harrison

  • NOME DA MÃE

    Evelyn Campbel Harrison

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Sangue Puro

  • LOCALIDADE

    Hogwarts

  • CIDADE/PAÍS

    Dover/Inglaterra

  • NÍVEL

  • Animal de Estimação Animal de Estimação:

    Este personagem não possui um animal de estimação!

  • Feitiços Aprendidos Feitiços Aprendidos por este Personagem:

    Um total de 10 magias...

  • Inventário Total de Itens no Inventário:

    1 diferentes itens


    • 1 un de Varinha de Freixo, 26cm, Cílios de Leprechaun, Meio Mole
  • Dados do Jogador Dados do Jogador:

    Felipe Chessa Barbero

  • Ajuda

    Abaixo você confere alguns links para tutoriais e textos importantes que vão te ajudar a entender melhor o funcionamento do nosso jogo!

    Em caso de dúvidas procure alguém da Staff ou algum jogador mais antigo para lhe auxiliar.


Zaico Harrison (filho de Henry Miller Harrison e Evelyn Campbel Harrison ambos ex-alunos de Hogwarts e pertencentes a casa de Salazar Sonserina), descendente da melhor preparadora de poções de Dover, Inglaterra. Henry casou-se com , Evelyn Campbel , estudante de criaturas mágicas em 20 de dezembro de 2002. Mais tarde, 24 de abril de 2007 (Dover - Inglaterra), tiveram o unigênito Zaico Harrison (anjo rico e poderoso) com lindos cabelos louros. Compraram uma casa em Londres, se distanciando da família Campbel, onde construíram um lar.



Aos dois anos de idade, com carinha de anjo, Zaico começava a demonstrar teimosia, afinal, era muito mimado pelos progenitores. Fora crescendo sendo criado por babás, já que seus pais sempre andavam trabalhando e quando estavam em casa, eram brigas por cima de brigas. O garoto tentava chamar atenção dos adultos de diversas formas, até que começou a mudar suas ações. Quando completou cinco anos, Zaico pegou uma paixão louca por aves de todos os tipos.



Acreditava que podia voar. Que não precisava de asas para bater e se elevar aos poucos até tirar seus pés do chão. Sentia que poderia viver como um pássaro no céu, passando por dentro das nuvens e receber o tão gélido ar na face. Subiu na maior árvore que tinha no jardim da residência, ficou encarando o chão e admirando a altura. Zaico não estava com medo, sim feliz e esperançoso, sentindo cada vez mais que seu destino não estava naquele chão, nem naquela árvore e sim no ar. Saltou! Quebrou a perna esquerda, o braço direito e quase quebrou a coluna. Logo, descobriu que seu lugar era exatamente com a cara no chão. Gemendo de dor, gritando por socorro, em meio a lágrimas, ouviu uma risada bem lá dentro da sua cabeça, algo que fez-lhe parar imediatamente de gritar. A risada estava mais e mais próxima e tudo que via, era um pássaro na árvore o encarando.



Depois da queda e recuperação do Zaico, aquele pássaro que estava na árvore o olhando, aparecia em sua janela. O garoto sempre ouvia aquela risada fina e agorenta. Falou com ao seu pai que logo entendeu do que se tratava. Henry sentou-se com o filho para conversar e revelou que a vó do menino, Lorena, possuía o Dom Anicôncio, que lhe dava capacidade de se comunicar com animais, logo, passou para o neto, pulando uma geração e só despertou quando desabou daquela árvore. Zaico não se sentia mais solitário, conseguia se comunicar com os animais, principalmente o pássaro zombador que se tornou seu melhor companheiro, porém sua mãe Evelyn não gostou nem um pouco dessa idéia, não achava seguro uma habilidade mágica dessa que ainda não se sabia ao certo o quão poderosa e infuenciadora seria para o crescimento de seu filho. Pediu para que Henry bloqueasse esse dom até que o garoto completasse 11 anos de idade. Após muitas discussões o pai acabou acatando o pedido da mãe, o que deixou Zaico extremamente triste e posteriormente revoltado com seus pais.

Quando completou sete anos, Zaico começou a mostrar um outro comportamento. Era frio, grosseiro e agressivo com as babás. Na frente dos progenitores, um anjo de criança. France era uma cuidadora rígida com o garoto, que a odiava profundamente. Certo dia, sozinha com o pequeno, não parava de correr atrás do mesmo querendo pegar sua varinha que ele roubou. Zaico subiu as escadas e a esperou no topo. Quando France estava defronte a ele, começou a tentar puxar a varinha da mão do garoto que a empurrou com força e raiva escada a baixo. Ouviu a porta abri, sabia que era sua mãe. Começou a chorar falsamente, desceu correndo gritando por socorro aos pés da babá morta.



Na manhã de 24 de abril, Ângelo mal dormiu na madrugada anterior, pois receberia sua carta para estudar em Hogwarts, e além disso, teria seu dom que fora bloqueado enfim destravado. Zaico desceu as escadas de madeira rumo a sala de jantar onde a família Harrison costumava tomar seu café da manhã. Evelyn, sua mãe estava com um sorriso no rosto que o garoto jamais havia visto, mas sabia exatamente do que se tratava. Henry sentado a mesa com um jornal que cobria-lo rosto, ao perceber que o filho estava desesperado atrás de sua carta, abaixa o joral lentamente apoiando o mesmo na mesa e disse com uma voz muito calma e tranquila que havia chegado uma correspondência para Zaico Harrison pela manhã. Estendeu a mão que portava uma carta branca com um selo ainda intacto na forma do brasão da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts.



Zaico não aguentava mais de tanta ansiedade e alegria misturada em um pequeno recém bruxo, arrancou a tão esperada carta da mão de seu pai e a segurou bem firme em uma explosão de alegria. Apesar do garoto nascer em uma família de bruxos, seus dons bem nítidos aos sete anos de idade já terem se demonstrado, mas Zaico ainda tinha muito medo de ser um daqueles que ouvia seus pais comentando baixinho por vezes na hora do jantar de "aborto".

Abriu a carta e leu em voz alta os escritos que nela continham e como se todas as desavenças e sentimentos ruins com os pais não existissem, correu ao encontro de seu pai e lhe deu um abraço apertado e desengonçado, fazendo até um pouco de café cair sobre o jornal, o que incomodou Henry, mas não o suficiente para tirar o sorriso e a alegria do pai a receber um gesto de carinho que há muito não sentia de seu unigênito. Em seguida loiro correu de encontro a mãe envolvendo-a com um abraço apertado.



Após alguns minutos, a euforia já estava mais calma e Henry então levantou-se da mesa e anunciou que o melhor presente ele entregaria agora: Estufou o peito, esticou o braço mirando a varinha na direção do garoto (que sabia exatamente o que estava acontecendo) e pronunciou palavras que Zaico não entendeu no momento. O loiro agradeceu aos pais e quase que imediato foi ao subiu ao seu quarto onde da janela havia uma árvore próxima onde Zaico costumava a conversar com os pássaros que cantavam por ali todas as manhãs, porém dessa vez não estava escutando nada além de "pius" normais, o que lhe deixou muito frustado.



Dias se passaram e Zaico já estava muito dedicado tanto a restabelecer seu dom de Anicôncio ficando horas e horas na janela de seu quarto tentando compreender o canto dos pássaros, quanto ler escondido livros de poções que sua mãe guardava na biblioteca de casa, por mais que não entendesse nada do que estava escrito, mas só de se imaginar lendo aquele livro em um futuro breve em Hogwarts já lhe deixava extasiado.

Este perfil já foi visualizado 23 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 18/01/2018 às 00:02:30