RÁDIO LUMMUS
Vaduz, Março de 2023.


O QUE DIZEM AS ESTRELAS
com Dragos Grigore

      — Whyyyy don't you love me? Tell me, baby, why don't you loooove me. When I make me so damn eeeeasy to love?


      || SOBE O REFRÃO DE “WHY DON’T YOU LOVE ME” DA BEYONCE ||


      — And why don't you need me? Tell me, baby, why don't you need me when I make me so damn easy to need?


      || BAIXA NA MÚSICA ||


      — Booooa tarde à melhor audiência do mundo! Hoje eu venho aqui falar em especial para você que quer desligar o rádio porque acha que astrologia é uma grande bobagem. Por isso, parafraseando a trouxa mais cheia de magia que existe, a Beyoncé, eu lhe pergunto: Why don’t you love me, baby? Por que você ainda insiste em me negar? Faço um apelo para você continuar comigo depois da vinheta para eu tentar te mostrar que posso ser importante na sua vida.


      || VINHETA DO PROGRAMA ||


      — Para começarmos a nossa conversa de hoje, eu vou resumir, bem brevemente, o que é a astrologia. Bom, a astrologia é a filosofia que relaciona a posição dos astros no céu que te ajuda a entender a si mesmo e também as sugestões de acontecimentos do dia a dia. Não é uma previsão, não é o apocalipse. Apenas lemos os sinais do Universo para te ajudar a entender como captar e tirar o melhor proveito das energias que já estão por aí, você acreditando ou não.


      || FIM DA SONORA INICIAL ||


      — Eu sou Dragos Grigore, o seu astrólogo pessoal, e juntos vamos desvendar os segredos de uma vida com propósitos. Bom, voltando as explicações... A astrologia leva em conta a posição dos astros no céu no dia que você, ser único na galáxia, veio ao mundo, e também o movimento constante do universo dia após dia. Essas mudanças provocam uma série de alterações energéticas que influenciam no corpo físico, mental e astral de todos os seres viventes e da natureza em si.

      — Há cerca de 3 mil anos antes de nosso calendário cristão, os mesopotâmios e os babilônios acreditavam que os planetas – e incluíam sol e lua nisso – afetavam a vida dos reis. Os chineses, lá do outro ladinho, também tinham suas crenças astrológicas. Essa crença se espalhou com o avançar dos séculos e perdura até o milênio atual, sobretudo neste modelo que eu vos falo, que é o da Astrologia Natal. A gente leva em consideração seu mapa natal e o do dia a dia para entender e desfrutar das melhores vibrações para nossas vidas.

      — A astrologia já existe muito antes da formulação da teoria gravitacional e da teoria eletromagnética, e, óbvio, muito antes do conhecimento de que todos os astros são compostos da mesma matéria existente aqui na nossa Terra. Embora a galáxia seja infinita, nós consideramos as doze constelações do zodíaco mais próximas de nós, ocupando 30 graus na eclíptica, ou simplificando, formando os signos.

      — Em resumo, a astrologia nos traz um conjunto de valores, um modo de vida. Queremos nos manter neste terreno porque aí está todo o perigo para nós: quais são estes conjuntos de valores? Para onde eles nos levam? Quais as suas influências em nossas vidas? Ela é um campo de conhecimento em meio a outros mil. A nossa questão nunca foi a dicotomia verdade/falsidade, para nós é tudo uma questão de gosto, interesse. E para onde nos leva o corpus de conhecimento astrológico? Para dentro de nós mesmos!

      — Eu, nascido trouxa, sempre tive a astrologia como uma energia em mim, a primeira manifestação mágica poderosa que me deu sentido à vida. É algo tão intenso, que até mesmo os não-mágicos podem senti-la! É ela que me ajuda a seguir minha missão de vida, entender as questões dos relacionamentos e me dá o entendimento acerca das pessoas. São inúmeras configurações, complexas, sobre o mapa do céu no momento do nosso nascimento, e quão é entrelaçado o contato entre os planetas e a beleza que tem no céu. Da Vênus falar do amor, do Sol falar da nossa essência, da Lua falar das nossas emoções, do Eixo Nodal e do Meio Céu falar da nossa missão de vida, e de Marte falar do nosso empenho, do nosso vigor, dos elementos. Então tem toda uma configuração pra que a gente se aprofunde nisso!

      — Nós, bruxos, dotados da essência de manipular e lidar diretamente com as leis ocultas da Natureza temos o dever de viver as nossas raízes naturais em harmonia com o todo. Seja por meio de processos invisíveis ou mentais, ou estimulados por aparatos e práticas cerimoniais visando a criação de efeitos físicos. O movimento circular é encontrado no reino sublunar, assim como no reino celeste, ao se observar que o crescimento e declínio obedece a uma ordem cíclica, em constante movimento circular, ao passo que uma substância, quando decomposta, dá origem a uma nova substância. Para Abu Ma’shar, tudo que vive e morre no mundo terreno é sujeito ao movimento das estrelas.

      — Desculpem, eu me empolguei! Tentando simplificar, os sete planetas errantes, como se movem mais rapidamente pelo círculo zodiacal do que as constelações, têm uma maior proximidade com a Terra. Isso significa que o movimento e transformação, eles promovem efeitos mais poderosos sobre o mundo inferior dos quatro elementos. As constelações seriam responsáveis por uma influência mais ampla e geral no reino, enquanto os planetas lidariam com situações especificas do mundo material. No entanto, a alma humana, que domina o corpo, é dotada de livre vontade. Logo, os planetas agem nos seres humanos por intermédio do corpo, podendo alterar a harmonia entre este e a alma, mas nunca diretamente na alma.

      — E é exatamente por isso que eu estou aqui. Não para controlá-los ou dizer o que vocês têm que fazer. Mas para ajudar vocês a tomarem decisões baseadas na verdade de seus seres, sentindo de forma consciente o que vos cerca e permitir que o livre arbítrio seja executado em paz. Assim como a astrologia, a magia se localizou em um ponto de cruzamento entre as práticas religiosas e a ciência. Eu apenas ajudo a interpretar tudo isso para dizer o que pode acontecer de acordo com cada escolha. Me ajuda a te ajudar! É só falar comigo, me manda uma coruja ou me encontra em uma das palestras e eu juro que te ajudo. Agora que falei demais, vou para o intervalo comercial dos patrocinadores que ajudam a me manter no ar e em seguida volto com o Oráculo do Cristal.


      || INTERVALO, COM OS ANÚNCIOS DOS PATROCINADORES SEGUIDA DA VINHETA DE VOLTA DO PROGRAMA ||


      || VINHETA ORÁCULO DO CRISTAL ||


      - Estamos de volta! Quero receber os feedbacks de vocês sobre o assunto que abordamos hoje. Escrevam para nós. Agora vamos nos concentrar porque tem uma mensagem especial do Universo para você.


      || O LOCUTOR ESTÁ CANALIZANDO SUAS ENERGIAS NA BOLA DE CRISTAL ||


      - Sim... Eu já estou vendo... Laranja, azul, púrpura, amarelo, verde, cinza... O oráculo da bola de cristal está nos dizendo “Investigar as raízes fortalece a árvore. O Universo te convoca a voltar para o passado, a fim de meditar e refletir a respeito de questões que ficaram mal resolvidas ou mesmo apegos que você ainda não superou direito. O momento não é de agitação e sim de pausa, reflexão, para que você possa descobrir as reais necessidades emocionais de sua alma neste momento.
      Boa fase para conversar com um amigo muito íntimo, um analista ou para ter uma conversa séria com alguém que já lhe foi importante no passado. Retornar ao passado é, muitas vezes, uma forma de tornarmos melhor o nosso futuro.
      E mais: lembrar o passado é uma forma de evitar repetições infelizes... Se a sua pergunta foi sim ou não, a resposta é SIM. Para afastar a negatividade do dia, use a pedra OBSIDIANA, pois ela tem o poder de proteção e cura espiritual.”


      || SONORA FINAL ||


      - Chegamos ao final de mais um programa e eu agradeço imensamente a sua companhia e a oportunidade de mudarmos juntos os nossos caminhos. A Rádio Lumus tem um compromisso com o seu bem-estar. Eu sou Dragos Grigore e esta foi mais uma edição do "O Que Dizem As Estrelas?". Eu te espero amanhã, meio-dia em ponto, para mudarmos as nossas vidas.

155 Visualizações
08/08/2022 às 22:55:36



JORNAL LUMMUS

VADUZ, Setembro de 2022

A seleção em Beauxbatons
Entenda como o processo ocorre.

[ img ]


Como se sabe, a Academia de Magia Beauxbatons possui um processo único de seleção dos alunos iniciantes ou daqueles que se transferem para lá. Devido à influência divina das patronas de suas mansões, aqueles que passam por esta etapa, jamais esquecem o momento em que são acolhidos por uma das três Deusas.

Após a viagem de carruagem até o território da escola, os alunos são conduzidos diretamente até o auditório da Academia, finamente decorado para a ocasião. É dito que a escola francesa se adorna não apenas para receber os recém-chegados, mas também devido à importância do evento. Mais do que uma recepção, é uma celebração à escola e às suas protetoras, Brigit, Mélusine e Morrigan, já que, apenas nesta ocasião as três são invocadas ao mesmo tempo.

O começo da solenidade é marcado por chamas coloridas – rosa para Brigit, azul para Mélusine e roxa para Morrigan – envolvendo cada uma das estátuas. Estas chamas aumentam de intensidade e se desprendem de seus locais de origens, partindo em direção ao teto, em formato de triskle. A cena é bela: as chamas dançam no ar em um ritmo intenso, ainda que não haja pressa em terminar o movimento. Quando, finalmente, elas explodem, cada aluno a ser selecionado recebe um pequeno fragmento das chamas. Elas não ardem, muito pelo contrário. O consenso entre aqueles que tiveram essa experiência é de que a sensação inspira puro acolhimento.

As chamas se manifestam nos alunos de duas maneiras diferentes. A primeira, mais óbvia, é no uniforme de cada um: mangas, gravatas e detalhes assumem a cor correspondente da mansão para qual cada um foi selecionado. Ainda mais marcante, entretanto, é a voz que cada um dos alunos ouve, no íntimo de sua mente. Cada deusa acolhe os seus de maneiras diferentes, através de frases em gaulês, remetendo à origem da Academia. Quando o último fragmento de chama desaparece no grupo, as estátuas voltam ao seu estado original e a cerimônia se encerra. Só então eles são conduzidos ao salão de jantar para se reunirem aos seus novos colegas de casa, ouvirem os eventuais avisos da direção e finalmente, poderem ter o primeiro contato com a excelente cozinha de Beauxbatons.

Muito embora este seja o único contato direto dos alunos de Beauxbatons com as Deusas que os protegem, este costuma ser suficiente para que cada um entenda o quão especial é estar dentro da instituto e para que o momento fique marcado em suas mentes mesmo anos após o fim de seu período escolar.


Escrito por: Jules Archambault

625 Visualizações
19/06/2022 às 21:28:29



JORNAL LUMMUS

VADUZ, Agosto de 2023

As férias em Holliday's Village
Férias e feriados se unem em novo evento promovido pela CIB

[ img ]


As férias escolares do ano de 2023 foram as mais badaladas possíveis. Esse ano, o vilarejo mágico dos feriados abriu as portas ao público e, em parceria com a Confederação Internacional dos Bruxos, ofereceu várias oficinas, atividades e visitas guiadas por suas dependências.

Há séculos o Vilarejo dos Feriados vem sendo administrado por famílias que são as responsáveis pelos dias festivos que são sempre comemorados tanto pelos bruxos, quanto pelos trouxas. É nessa vila que preparativos para o Dia das Bruxas, Dia dos Mortos, Dia dos Namorados e afins são iniciados antes de serem estendidos ao restante do mundo.

A magia do natal, por exemplo, é mantida pelo bruxo Nikolau di Bare XXIV, atual detentor do manto de Papai Noel e responsável pela distribuição dos presentes a crianças de todo o planeta que tenham demonstrado bom comportamento através do ano. Para a exposição, a família Di Bare abriu as portas da fábrica onde os presentes são preparados para distribuição e despachados pelos elfos domésticos em uma visita guiada que terminou, na verdade, em uma gincana de caça aos presentes após travessuras dos filhos do Bicho Papão.

O evento teve duração de quatorze dias e foi muito bem aproveitado pelas crianças, que em meio a essa folga das escolas se viam em busca de diversão, e pelos adultos, que curiosos com o funcionamento da vila, se aventuraram através de suas dependências para conhecer um pouco mais dos aspectos mágicos dos feriados que tanto apreciavam quando lhes davam folga de seus ofícios.

Esperamos que mais parcerias como essas sejam feitas e que a Vila dos Feriados siga de braços abertos para receber novos visitantes, como foi nesse período. Posto que, de acordo com o Instituto Bruxo de Geografia e Pesquisa (IBGE) divulgou recentemente, o evento foi responsável por uma larga movimentação econômica no local, gerando empregos temporários envolvendo turismo e o mercado de souvernirs.

Escrito por: Haechan Han

850 Visualizações
21/05/2022 às 23:52:08

Cadernos
Jornalistas