Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Ano 2 Sophie Agger Karhila 5136 16/01/2021 às 17:17:16
Ano 1 Sophie Agger Karhila 4964 16/01/2021 às 17:14:25
xxxxxxxxxxxxx Viviane LeFay 5143 13/01/2021 às 16:47:07
O Anjo Viviane LeFay 5100 13/01/2021 às 16:42:40
Viviane & Kiefer Viviane LeFay 5077 13/01/2021 às 16:34:25

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Africa do Sul Majid Taj Ezekwesili [ 17632 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Majid Taj Ezekwesili
  • Mundo Mágico
  • Mundo Mágico

  • NOME COMPLETO

    Majid Taj Ezekwesili

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,72m

  • PESO

    75kg

  • OLHOS

    Preto Escuro

  • CABELOS

    Preto Escuro

  • SEXO

    Masculino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    67 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    09/11/1951

  • SIGNO

    Escorpião

  • NOME DO PAI

    Frans Breton

  • NOME DA MÃE

    Nakia Asenath Ezekwesili

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Mestiço

  • LOCALIDADE

    Mundo Mágico

  • CIDADE/PAÍS

    Welkom/Africa Do Sul

  • NÍVEL

Nascido numa noite de tempestade preenchida por raios e trovões violentos, Majid veio ao mundo sem chorar, os olhos muito abertos. A parteira da tribo Y'kwaia já tinha feito muitos partos por aquelas bandas, mas surpreendeu-se com o pequeno embrulho que acabara de retirar de dentro de Nakia, uma guerreira da tribo, filha de um antigo feiticeiro dos Y'kwaia, o honrado Gwadir. O menino olhou a parteira como se realmente a visse e apenas depois de ser limpo resmungou caindo no choro seco e muito propositado, que parou após ser abraçado pela mãe.

Majid é fruto da relação proibida de sua mãe com um bruxo francês que visitara a aldeia anos atrás. Frans e Nakia se apaixonaram perdidamente, mas a guerreira por ter um pacto de sangue com a tribo a qual jurara defender, rejeitou o pedido de Frans para que fugissem juntos. Ela o viu partir sob as águas do rio escuro, protegido pela neblina da noite enquanto de longe conseguia ouvir o baralho dos Guerreiros Y'kwaia - os temíveis Y'Kwaianos - indo de encontro a eles, querendo a cabeça do branco traidor. Nakia, porém, carregava em seu ventre o fruto do amor proibido. O menino fora amaldiçoado pelo líder da tribo e jurado de morte ao completar cinco anos, como mandava a tradição.

O garoto cresceu forte e austero, rodeado de magia e habilidades com animais, flechas e arpões. Tal desenvolvimento levou os Y'kwaia a prezarem por seu caráter e o futuro que se desenhava. Não cumpriram a jura e Majid cresceu sob a proteção de seu povo, ao lado de sua mãe. Aos 10 anos, Nakia resolveu que levaria o filho para conhecer o pai, que até então nunca soubera de sua existência. Ela armou uma oportunidade de se retirar da tribo com Majid e ir à França para encontrar Frans. O menino e o bruxo tiveram a surpresa de se ligarem emocionalmente um ao outro de forma muito rápida e forte. O pai contou ao filho sobre o mundo bruxo ao qual esse tinha direito de pertencer. Contou sobre estórias dais quais Nakia não poderia falar, inclusive de Escolas onde o garoto poderia desenvolver seus poderes. Nakia e Frans, que continuava solteiro e apaixonado pela bela guerreira, tiveram mais uma noite de amor antes do retorno para a tribo.

Quando chegaram, a tribo havia descoberto da viagem e prenderam Nakia pra morrer. A mulher escapou com a ajuda de um velho amigo e fugiu com o filho. Se escondeu na mata, o que acabou levando Nakia a pegar uma doença que a consumiu. Sabendo que morria, levou Majid até a fronteira litorânea e criou uma magia tribal aprendida com o pai para chamar por Frans. Este chegou quando a mulher falecia em meio a raízes de uma velha árvore. Ali, pai e filho enterram a mulher e prometeram que cuidaram um do outro sob a Sociedade Bruxa e também, um dia, perante a tribo Y'kwaia.

Sob a tutela do pai, Majid foi levado até a África para ter suas aulas mágicas na Escola do continente. Os dois criaram laços ainda mais fortes que perduram e sofreram juntos a perda de Nakia durante um longo período. O sacrifício da mulher marcou a vida de Majid e ele sempre se empenhou para manter viva todo o que aprendeu com o ancestral conhecimento de um Y'kwaiano. Ao terminar seus estudos, especializados em rituais sagrados, o jovem Majid voltou a sua antiga tribo para exigir o treinamento de guerra que o sangue lhe dava direito. Com suas habilidade mágicas, a tribo o reconheceu como feiticeiro e lhe deu o perdão dos Y'kwaia.

Depois de algum tempo, Majid voltou para a África do Sul a fim de aprofundar seus estudos ritualísticos na região. Durante um período dedicou-se a estudar as tribos africanas que ainda cultuavam a magia antiga sem qualquer ligação com a magia exterior, tendo ele mesmo desenvolvido algumas habilidades que em um mundo diferente e moderno não seria possível. Com quase trinta anos resolve se estabelecer na sede do governo mágico africano, servindo como consultor de paranormalidades mágicas e estudos pagãos. Aos cinquenta fora indicado à Confederação Internacional dos Bruxos como membro delegado. Aos sessenta anos assumira o posto de secretário geral da confederação, cargo este que fora extinto com o surgimento do conselho superior. Atualmente é um dos conselheiros eleitos da confederação, sendo seu principal trabalho o desenvolvimento políticas públicas para as comunidades bruxas menos abastadas.



Este perfil já foi visualizado 138 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 08/03/2020 às 11:41:22